Pages

quinta-feira, 5 de julho de 2007

Liberdade - Igualdade - Fraternidade

A Petrobras anunciou, recentemente, que os seus funcionários podem incluir parceiros do mesmo sexo como dependentes no plano de saúde. Infelizmente, isso ainda é notícia, quando deveria ser obrigação das empresas reconhecerem parceiros do mesmo sexo como constituintes de uma família. Pelo menos, o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) também já adotou esse princípio de igualdade para pagamento de pensão.
Que bom, o País avança no sentido da tolerância, da liberdade. Mas não avança muito.
Foi rumor em todas as mídias o fato de que o jogador Richarlyson, do São Paulo, seria homossexual. Houve um disse-que-disse, porque o Richarlyson mesmo não falou nada e não vai falar. A pérola da semana saiu do empresário do jogador: "Isso é boato. Eu conheço o caráter dele". Então!!! Orientação sexual agora é questão de caráter?!?! Homossexual não é boa gente?! Em que mundo esse senhor vive??!!!!!! Eu espero, sinceramente, que as ONGs da causa GLTB se manifestem e processem esse infeliz. Isso não vai mudar o que ele pensa, mas pelo menos o fará pensar duas vezes antes de expor os seus preconceitos.
Enfim. Igualdade e liberdade em um momento. Discriminação e intolerância a seguir. Ainda estamos longe de uma sociedade verdadeiramente humana.

2 comentários:

Olivetti disse...

O engraçado disso tudo é que, quando perguntamos se alguém tem preconceito de qualquer tipo, a pessoa nega de forma veemente. E não acho que a maioria tente enganar aos outros, mas sim a si mesmo. Afinal pra eles basta que em seu ego continuem pensando que não são preconceituosos, mesmo que suas atitudes sejam contrarias. O preconceito é ainda mais forte entre as crianças e adolescentes que tendem a amplificar o sentimento e exemplo passado pelos pais.
Enfim, o ser humano tem preconceito daquilo que não entende, daquilo que o assusta, talvez como um simples instinto de defesa. Nesse caso, será que um dia ele notará que está sendo preconceituoso consigo mesmo?

Olivetti disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.

LinkWithin